Estrutura Bella Vita

CUIDADO, Você pode estar  diante de uma DISFAGIA.

 

O que é Disfagia? 

É uma alteração no processo da deglutição – ato de engolir alimentos ou saliva. Caracteriza-se por um sintoma comum em diversas doenças. Pode ocorrer em diferentes fases da vida , porém o grupo mais atingindo são os IDOSOS, podendo trazer diversos prejuízos à qualidade de vida do indivíduo. 

Grupos de risco para Disfagia:

 

- Idosos;

- Intubações orotraqueais prolongadas;

- Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC):

- Acidente Vascular Encefálico (AVC) ;

- Traumatismo Cranioencefálico (TCE);

- Doenças de Parkinson;

- Doença de Alzheimer;

- Esclerose Lateral Amiotrófica e Esclerose Multipla;

- Câncer de Cabeça e Pescoço.

 

Na disfagia ocorre um desvio do bolo alimentar e/ou saliva da via digestiva para a via respiratória. Podendo causar desnutrição, desidratação, até consequências mais graves como pneumonias aspirativas ou obstrução completa da passagem do ar causando asfixia, podendo muitas vezes, levar a morte. 

 

O propósito fundamental para  o diagnóstico precoce, consiste em determinar o melhor tratamento de reabilitação junto ao Fonoaudiólogo habilitado e com experiência para atuar com esta alteração, ficando ao seu encargo, o gerenciamento  e manejo da consistência dos alimentos e fortalecimento das estruturas debilitadas, tendo como principal objetivo, a busca da melhora da qualidade de vida desses indivíduos.

 

Hoje além da terapia fonoaudiológica manual convencional podemos dispor de tecnologias que auxiliam no processo de evolução terapêutica como a Eletroestimulação  Neuromuscular (EENM)  que modifica significativamente a força da musculatura elevadora da laringe e o Laser de Baixa Intensidade (LBI) podendo ser observado efeito biomodulador signifiativo nos processo inflamatórios, edematosos, reparação nervosa e muscular. Sendo essas, ferramentas importantes e significativas nas mãos de profissionais capacitados para reabilitar a disfagia orofaríngea.  

 

Devemos ficar atentos aos sintomas como: dificuldade para engolir, sensação de alimento parado na garganta, tosses/engasgos/cansaço durante as refeições, perda de peso significativa e pneumonias de repetição.

 

Informações: Dra. Marina Medeiros Teixeira CRFa 3 -10431

Fonoaudióloga Clínica

Formada na Universidade Federal de Santa Catarina.

Pós Graduada em Motricidade Orofacial  com ênfase em Disfagia / CEFAC

Áreas de atuação:

- Disfagia 

- Atendimentos Domiciliares/Residenciais Geriátricos